Os homens da propaganda do PCP


“Senhores jornalistas, eu com 80 anos passei a maior vergonha da minha vida…”

Foi assim que o Senhor Armando de Sousa de 80 anos, descreveu como foi escorraçado da Associação Unitária dos Reformados, Pensionistas e Idosos do Lavradio, onde passava o seu tempo a jogar as cartas com os seus colegas.

Publicado no Jornal de notícias do Barreiro a 21 de Julho de 2010, este texto elucidativo veio mais uma vez demonstrar a associação doentia e destemida de toda uma força que continua a minar as mentes de toda uma população que se vê abraços com toda esta podridão que é o comunismo.

“…e entraram uns homens com uma propaganda do Partido Comunista Português…
Quando chegou ao fim das intervenções do PCP eu pedi para falar e a senhora disse-me que podia falar.
Perguntei sobre as nacionalizações que arruinaram tantas empresas, perguntei sobre os 400 barcos que havia no Tejo e sobre as casas dos emigrantes que foram assaltadas e as respostas foram que “não fomos nós, isso foi o Salazar”.
Passados dois dias desta situação fui chamado à direcção, fecharam as portas para que os outros não pudessem ver e fui corrido.
Eu perguntei o motivo, porque não tratei mal nem ofendi ninguém.
Tinha as cotas pagas até ao final do ano e pedi o dinheiro, mas disseram-me que o dinheiro ficava e que eu não podia mais lá entrar…”

Estes bandoleiros da foice e martelo, homens “tolerantes e de bom trato”, actuam como fungos que saem do armário, minando toda uma sociedade, provocando a degradação e a desordem, mas… cada vez mais os barreirenses se vão apercebendo do mal causado por este bando de malfeitores.

Publicado também no Blog Barreiro Terra Portuguesa

Anúncios

Charles Smith chama corrupto a Sócrates


Petição Contra a obrigatoriedade da Educação Sexual no Ensino Público


A Plataforma RN

Para: Assembleia da República

Tornou-se comum invocar a “laicidade do Estado” para justificar um conjunto de medidas legislativas que se revestem antes de uma natureza anti-católica. Preocupa-nos, particularmente, o modo como a Lei 60/2009 tem sido tratada: instituindo a educação sexual obrigatória no ensino público, sendo chocantes as notícias sobre os conteúdos dos kits de apoio às aulas, de natureza explícita e destinados à faixa 9-12 anos! Esses kits compreendem desenhos de processos de auto-gratificação sexual, práticas homossexuais e construções de esferovite reproduzindo orgãos sexuais masculinos. Responsáveis pelo processo têm defendido que a disciplina “expõe diferentes morais” e “é neutra entre homossexualidade e heterossexualidade”. Continuar a ler

Tenho uma dúvida!


Quero saber se a Comissão Europeia acha prioritária a construção do comboio de alta velocidade (TGV)

Paulo Rangel, eurodeputado do PSD

A crise em Portugal


  1. Bancos lucraram 792,1 milhões de euros no primeiro semestre
  2. Shell aumenta lucros 14% no segundo trimestre 
  3. Lucro da Galp aumenta 46% no trimestre
  4. Montepio reforça sexta posição na banca em Portugal
  5. Lucro da EDP sobe 19% no primeiro semestre
  6. O Montepio, instituição mutualista, vai comprar o Finibanco, representa um investimento superior a 250 milhões de euros
  7. Zon lucra 22,9 milhões no primeiro semestre
  8. TGV avança em Setembro
  9. Américo Amorim é o mais rico de Portugal
  10. Lucros do BCP sobem 11% para 163,2 milhões
  11. Mais ricos do País têm 9% do PIB
  12. Lucros da Portucel quase duplicam
  13. Jerónimo Martins deverá apresentar lucros de 102 milhões de euros
  14. A Sumol+Compal lucrou no primeiro semestre de 2010, 163,8 milhões de euros

A língua portuguesa


Ouvi! A língua é bandeira
da Pátria que reza e canta
Bendito quem, entre tanta
de altiva cor estrangeira
à luz do sol a levanta!

A língua é a alma envolvente
da Pátria de todos nós.
Maldito quem, loucamente
lhe mancha a pureza ardente
ao bafo da escura voz!

Ouvi! A língua em verdade
é ontem, hoje, amanhã;
é fé, esp’rança, saudade
filha e mãe da eternidade,
verbo de essência cristã.

Ó povo, defende-a pura
de ódio, inveja ou negra ideia,
veste-a na graça e candura
do teu linho, sem mistura
de falsa púrpura alheia.

António Correia D’ Oliveira

Um grande estadista


 

Em proporção com o tamanho da economia, Portugal armazena mais ouro que qualquer outro país na Europa, a maioria do qual acumulada durante os 36 anos da ditadura de Salazar com poupanças e o dinheiro das exportações portuguesas, incluindo volfrâmio (tungsténio) e da indústria conserveira.

Segundo a Bloomberg, a valorização de 26 por cento do ouro nos últimos anos faz com que Portugal detenha um activo cada vez mais valioso, ainda que seja um recurso ao qual um governo endividado como o português não pode recorrer, devido às leis que regem o banco de Portugal.