Em resposta à crise económica na Alemanha

Ministro da Economia do III Reich (1934-1937), consegui-o acabar com o desemprego na Alemanha sem provocar inflação

“Uma diminuição da produção em quase um terço, um alto índice de desemprego que se torna um fenómeno duradouro, uma dívida interna que se expressa diariamente nos números de concordatas, uma dívida externa que impossibilita um pagamento no vencimento, uma moeda que não serve mais para a circulação regular de mercadorias, mas apenas para ocultar a falta de liquidez de nossas instituições financeiras e do sector público, esta é a situação alemã” (Ibid., p. 358). Para a solução da crise, propõe: “O programa a ser executado pelo governo nacional baseia-se em poucos pontos básicos. É o programa de Frederico, o Grande, após a guerra dos sete anos: firmar-se na própria economia, tirar do próprio solo tudo o que é possível tirar e, de resto, restringir-se, economizar e trabalhar durante uma geração. Pedir emprestado e mendigar torna desprezível, torna incapaz de negociar, torna incapaz de aliar-se” (Ibid., p. 359).

Hjalmar Horace Greeley Schacht (Discurso, 11 de Outubro de 1931)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: