Comissões e avenças ilegais nos CTT o costume


Políticos do CDS, PS e PSD receberam avenças de empresas privadas para facilitarem as negociatas com o Estado, são milhões de euros pagos a dirigentes públicos e partidários. Só nesta quarta-feira, foram efectuadas mais de 52 buscas em todo o País, segundo o Correio da Manha, o negócio do prédio dos CTT em Coimbra levanta algumas suspeitas, já que poderá ter havido comissões exteriores ao negócio no valor de 2 milhões de euros. Eles não governam, governam-se.

Anúncios

O acordo ortográfico


O acordo ortográfico visto pela BBC News

Portugal’s parliament has voted to introduce contentious changes to the Portuguese language in order to spell hundreds of words the Brazilian way. 

The agreement standardises numerous spellings and adds three letters – k, w and y – to the alphabet…

The agreement will standardise spelling by removing silent consonants in order for words to be spelt more phonetically, turning, for example “optimo” (great) into “otimo”.

Pátria


“Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, aguentando pauladas, sacos de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz de sacudir as moscas; um povo em catalepsia ambulante, não se lembrando nem donde vem, nem onde está, nem para onde vai; um povo, enfim, que eu adoro, porque sofre e é bom, e guarda ainda na noite da sua inconsciência como que um lampejo misterioso da alma nacional, reflexo de astro em silêncio escuro de lagoa morta.
[.] Uma burguesia, cívica e politicamente corrupta até à medula, não descriminando já o bem do mal, sem palavras, sem vergonha, sem carácter, havendo homens que, honrados na vida íntima, descambam na vida pública em pantomineiros e sevandijas, capazes de toda a veniaga e toda a infâmia, da mentira à falsificação, da violência ao roubo, donde provém que na política portuguesa sucedam, entre a indiferença geral, escândalos monstruosos, absolutamente inverosímeis no Limoeiro.
Um poder legislativo, esfregão de cozinha do executivo; este criado de quarto do moderador; e este, finalmente, tornado absoluto pela abdicação unânime do País.
A justiça ao arbítrio da Política, torcendo-lhe a vara ao ponto de fazer dela saca-rolhas.
Dois partidos sem ideias, sem planos, sem convicções, incapazes, vivendo ambos do mesmo utilitarismo céptico e pervertido, análogos nas palavras, idênticos nos actos, iguais um ao outro como duas metades do mesmo zero, e não se malgando e fundindo, apesar disso, pela razão que alguém deu no parlamento, de não caberem todos duma vez na mesma sala de jantar.”

Guerra Junqueiro 1896

ASAE compromete as festas tradicionais portuguesas


Por entre os escombros de um país destruído pelos “federastas” surge uma nova força de combate ao “banditismo”, ASAE, na mira está as sardinhas, bifanas, coiratos e quiçá ás bebidas alcoólicas.

 

Viva à (Demo)cracia

 

À Guerra!


Fala o canhão. Estala o riso da metralha
Os clarins muito ao longe tocam a reunir.
O Deus da guerra ri nos campos de batalha
E tu, ó Pátria, ergues-te a sorrir!

Vestes alva cota bordada e rosicleres
Desfraldas a bandeira rubra dos combates,
Levas no heróico seio a alma das mulheres
E ergue-se contigo a alma de teus vates!

Levanta-se do túmulo a voz dos teus heróis,
Cintila em tua fronte o brilho desses sóis,
Até o próprio mar t’incita a combater!

Nun’Alvares arranca a espada de glória
E diz-te em voz serena: “Em busca da vitória
Meu belo Portugal, combate até morrer!”

Florbela Espanca

Despedimentos na TAP


Para a maioria dos gestores, a requalificação ou reconversão de uma empresa tem que obrigatoriamente passar pelo despedimento, a esta conclusão chegou também o Presidente da TAP, Fernando Pinto. Em declarações prestadas a um grupo de jornalistas, Fernando Pinto, deixou no ar a hipótese de vir a recorrer a despedimentos, caso a companhia não consiga aumentar as receitas através de novas rotas.

Com gestores destes, não vamos longe…

 

Desfile Patriótico – 10 de Junho


PNR